Produtividade nas Empresas

Todos os gestores ambicionam aumentar a sua produtividade a dos seus colaboradores, no seio da empresa. Recentemente, começaram a surgir teorias de que a melhor forma de alcançar o tão desejado aumento de produtividade seria pela vivência de experiências, desenvolvimento da inteligência emocional, da atenção da resiliência e do otimismo realista, tanto por parte dos gestores como dos colaboradores.

 

Para que tal aconteça, devemos ter em consideração alguns aspetos.

Uma atitude mais positiva, conciliada com práticas meditativas; A perceção deve ser vista como elemento-chave nas nossas experiências do dia-a-dia, assim como o otimismo como alavanca interior para alcançarmos melhores resultados; A atenção deve ser trabalhada e focada, tendo em vista a melhoria da concentração, assim como o multitasking deve ser bem ponderado (muitas vezes causa ineficiência em algumas das tarefas realizadas); A carga emocional, de determinadas situações, deve ser bem gerida, ao ponto de termos um plano para gerir estas ocasiões; Os níveis de confiança, flexibilidade e networking devem ser trabalhados, de forma a aumentar a resiliência; As práticas de gestão devem ser pensadas de forma a potenciar, no dia-a-dia, o envolvimento dos colaboradores com a empresa e os seus gestores.

 

Todos estes aspetos são ferramentas que ajudam a ultrapassar a imprevisibilidade dos tempos que decorrem, no meio empresarial. Gestores e colaboradores enfrentam desafios mais exigentes, dispõem de várias tecnologias que, por vezes, dispersam a atenção necessária para uma melhor produtividade e tudo isso precisa de ser trabalhado.

 

Atualmente, as nossas emoções e a nossa atenção são dos poucos aspetos que depende apenas de cada um de nós e que pode ser gerido da melhor forma.

Leave A Comment

6 + eight =