Como se proteger contra ataques Ransomware

Os ataques ransomware são cada vez mais frequentes em empresas e organismos de todas as dimensões. Também conhecido como sequestrador de computadores, este software malicioso entra no sistema e comprime e criptografa todos os dados em segundo plano sem que o utilizador perceba. Depois, mostra um alerta no ecrã, bloqueia tudo e cobra um valor de resgate para se desfazer da praga.

O ransomware é assim um tipo de “malware” (software malicioso) que restringe o acesso ao sistema infetado e cobra um valor de resgate (daí  o termo “ransom” em inglês) para que seja restabelecido.

 

Boas práticas e recomendações gerais para se proteger contra ataques ransomware:

  • Não abrir e-mails desconhecidos ou de entidades em que não confie
  • Ter sempre em atenção o endereço de email do remetente para avaliar a veracidade da origem
  • Não clicar em links nem abrir anexos estranhos
  • Não fazer downloads de programas sem ter o aval da sua organização
  • Manter os sistemas operativos atualizados
  • Fazer um backup regular (ficheiros e informação guardados noutro local além do seu computador)
  • E, claro, subscrever uma solução anti-ransomware que o proteja sempre deste tipo de ataques (como o Intercept X do nosso parceiro Sophos, especialista e líder em soluções de segurança e ransomware)

 

Num minuto, saiba como se processa um ataque ransomware, quais os riscos e alguns números que comprovam a sua gravidade:

 

Se precisar de qualquer apoio ou pretender assistir a uma demonstração, não hesite em contactar-nos pelo 214 252 730 ou comercial@inovflow.pt.